quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Do que o seu coração está cheio?


Ninguém gosta de ficar perto de pessoas que só reclamam o tempo todo ou que tenham uma visão negativa de tudo. Se a pessoa é legal e está passando por uma fase difícil da vida, se vê envolvida em reclamações e murmurações mas isso logo passa. Mas tem pessoas que parecem ter o verdadeiro prazer de reclamar.

Eu mesmo sempre procuro me afastar ao máximo de pessoas assim, parece que chega a ser contagioso tais pensamentos. Se eu não consigo me afastar, nunca comento sobre planos ou projetos meus porque sei que a pessoa vai falar ao ponto de fazer com que eu desanime. Mas, como toda a regra tem uma exceção, sempre tem alguém que não dá pra se afastar muito e nesse meu caso é um determinado parente. Toda vez que tem festas e almoços de família ela vai estar lá; ela vai puxar papo comigo e mais uma vez vai me meter em alguma confusão. Mas isso é assunto para uma postagem do tipo "tem parente que é serpente" kkkkkkkk

Mas a palavra que ilustra a postagem de hoje foi usada por alguém que me admirava e eu nem sonhava com isso. E graças a isso, ganhei meu dia e uma bonita amizade. Eu sou uma pessoa muito extrovertida, alto-astral, daquelas que quando chega na faculdade, todo mundo sabe quem chegou. Hoje é o único lugar que sinto a vontade e que posso ser como sou, não preciso ficar "pisando em ovos" e fico até triste quando penso no dia em que concluir meu curso. Depois de várias frustrações que passei referente a um emprego e uma amiga da onça, fiquei por meses sendo uma pessoa negativa e amargurada e descontava isso no face com minhas postagens e comentários. Porém eu não conseguia ver que isso fazia mais mal a mim do que as pessoas que liam - e as que precisavam ler nem estavam no meu face. Um dia postei uma atualização mais ou menos assim:

Muita gente pisa na bola comigo e eu prefiro ignorar o que a pessoa fez porque o mais importante é a amizade. Eu dou um deslize, essa mesma pessoa corta relações comigo.

Então, uma pessoa que eu julgava estar apenas ali de enfeite no meu face disse:

Como assim Jac? Não tem ninguém na sua vida que é tolerante com você? Repense o que você anda postando aqui.

E, na lata, respondi:

Quem? A minha mãe? shuahsaushauhsauhsauhsuahsuahsua

E a pessoa respondeu na lata também:

Quando você estiver no polo, vamos conversar sério.

Senti que o negócio era realmente sério, mas tão sério que engoli em seco e fiquei dias protelando o ir ao polo. Eu ficava pensando "O que será que ela quer de mim, eu nem tenho intimidade com ela? Nem somos amigas ou coisa assim...", mas com o passar dos dias acabei esquecendo. Quando precisei buscar um livro no polo, dei de cara com ela:

Oh Jac Bagis, eu queria mesmo falar contigo, senta aqui.

Gente, foi a melhor conversa que tive em anos. A pessoa me contou histórias da sua vida, principalmente quando teve depressão e se superou e como venceu na vida e chegou até onde está. Falou para mim que o que eu fazia no face era um desabafo, mas não podia deixar me dominar por aqueles sentimentos ruins, que eu deveria dar a volta por cima e escrever uma nova história para mim. 

"As pessoas não veem com bons olhos pessoas que só murmuram, criticam e reclamam; pessoas gostam de se aproximar daquelas que são cheias de luz, vida e alegria. Quando você chega aqui no polo, você coloca todo mundo pra cima, seja assim também nas mídias sociais"

Foi o melhor conselho que não pedi e recebi. Voltei para casa relendo o que eu escrevia e vi que muitas das coisas não condiziam com a minha vida e sim com uma fase ruim que eu estava passando. Claro que de vez em quando eu piso na bola, sou humana e erro mesmo, mas tenho que transformar esses erros em lições.

Daquele tempo eu ainda enfrento os mesmos problemas. Mas tô procurando traçar novos caminhos e caminhar por eles. Sim, a nossa boca fala do que o nosso coração está cheio e quero deixá-lo cheio de coisas boas que trazem bem-estar a mim e às pessoas que estão ao meu redor.


0 opiniões:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.

© Inspiração Livre, AllRightsReserved.

Designed by ScreenWritersArena